Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens com a etiqueta casa nova

Pormenores cá de casa #2

Este cantinho do escritório ainda não está, de todo, acabado. Ainda falta uma carpete e umas almofadas no sofá e quiçá uma mesinha de apoio na lateral do sofá. Mas gosto tanto do nosso sofá do escritório que partilho já convosco.  No sofá da sala não arriscámos tanto na cor, escolhemos uma cor mais sóbria, mais "neutra" para depois podermos dar largas à imaginação no resto da decoração. Mas no escritório optamos por ser o sofá a peça central e apostamos neste amarelão aveludado e estamos in love pelo nosso sofá .

Dia E

Hoje é o dia em que vamos fazer a escritura da nossa casa. A nossa casa.
Embora já estejamos quase há um mês a morar cá, só hoje vamos fazer a escritura. Ou como quem diz, hoje vamos ficar com a nossa conta bancária muito levezinha e com uma dívida à banca até sermos velhinhos. Mas entre estarmos a pagar uma renda de uma casa que nunca será nossa ou pagar uma mensalidade de uma coisa que um dia (lá muito para a frente) será nossa, pareceu-nos mais vantajosa a segunda opção. E com os preços que se estão a praticar hoje em dia com o arrendamento, posso dizer que fizemos bom negócio. E se vamos a pensar em tudo de mal que pode acontecer no futuro, nunca arriscávamos nada nem comprávamos nada.

Sim ou não?

Que me dizem de ir publicando por aqui alguns detalhes e pormenores da decoração cá de casa? Não é que para já haja grande coisa para mostrar porque ainda estamos na fase inicial, na fase de irmos construindo o nosso ninho devagar, mas aos poucos vai-se lá e eu gosto de pensar em cada detalhe, em cada pormenor. Comprar cada coisa a pensar especificamente naquele cantinho que ainda está vazio e que precisa de ganhar uma cara nova. Não compor só por comprar e por achar bonito, tenho de saber para que sítio é que vai cada peça.
Para já deixo-vos com as últimas compras cá de casa no que toca a decoração. Esta combinação de objetos foi colocada no armário da casa-de-banho de serviço. A cerâmica (como se pode ver na imagem) é escura, então o dourado e o espelho na base quebram a cor das cerâmicas, dando cor ao espaço, mas sem perder a sobriedade.





Gostaram da combinação? Todas as peças à venda na Casa ver site

Prioridades

As prioridades de cada pessoa mudam efetivamente (e rapidamente!). Percebe-se isso quando uma pessoa deixa de preferir o shopping de sempre quando "precisa" de ir às compras porque não tem tantas lojas de decoração/casa como outros shoppings da redondeza.
Já não interessa se tem zara, massimo dutti, h&m, pull&bear, oysho e afins. Ultimamente vou a um shopping e as poucas (às vezes únicas) lojas que entro são zara home, area, o gato preto, espaço casa, casa, ikea, e outras do género, que habitualmente não entrava e que vou descobrindo. O único problema é que nas lojas de antigamente, por meia dúzia de euros comprava qualquer coisa engraçada, nestas nem sempre é assim... Andamos à procura de um cadeirão para o closet e de um móvel para pôr no hall de entrada (e taaaantas outras coisas, mas estas duas são para já a prioridade) mas até agora, todos os que gostamos fizeram com os olhos nos saltassem fora quando vimos o preço. (ou então que ponderássemos negócios ilícitos…

O nosso pequeno santuário cá de casa

Demorou mas felizmente as caixas já estão todas arrumadas, já não há tralha espalhada pela casa e a casa começa a ter aspeto de lar (com tudo o que ainda lhe falta mas aos poucos se vai lá). O que ficou logo arrumado (quase) desde o início foram os nossos "mantos sagrados", que nisto das coisas sagradas não se pode procastinar e tem de estar logo tudo no seu devido lugar. Volta e meia ainda aparece mais um apetrecho qualquer vermelho e branco (canetas, porta-chaves, estandartes, bonecos e afins), mas parece-me que assim o santuário está bem organizado. Os livros encarnados também já têm o seu devido lugar no nosso escritório e têm uma prateleira só para eles (não há cá misturas. Não há cá misturar manuais de doenças mentais ou de programação informática com o Benfica).

1 mês de marido e mulher

1 mês. O primeiro de muitos. O primeiro de uma vida a dois. O primeiro de uma história que já conta com 7 anos de namoro. Um mês muito feliz. (e finalmente acabamos de desempacotar todas as caixas e arrumar tudo no sítio na casa nova)

Desabafo pessoal

Uma semana depois de ter voltado ao trabalho e já estou a precisar de férias. Era tanto assunto pendente para tratar (por causa de ter estado 15 dias out em lua-de-mel) que só hoje é que me comecei a organizar no meio de tanta coisa. Só hoje é que comecei a ver a luz ao fundo do túnel face aos muitos e-mails por responder/tratar, relatórios para corrigir, consultas para preparar e dar, estagiários para supervisionar e afins.  Entretanto, quando meter a chave à fechadura lá em casa vou perceber que o caos ainda está instalado lá por casa, ainda há muitas caixas por arrumar, ainda há muitos armários por organizar, ainda há muitas coisas para comprar para que a nossa casa deixe de ser uma casa e passe a ser um lar.  Claro que, com este cenário, é óbvio que assim que eu me estendo no sofá para ver um filme ou uma série, ainda nem o genérico terminou e já eu estou a dormir (e só não me estou já a babar porque o sofá é novo e é capaz de ficar manchado...).

Sinto-me uma dondoca, daquelas que não faz nada para não estragar as unhas

Contratamos uma empresa de limpeza para vir cá a casa fazer uma limpeza profunda, que isto de vir para uma casa pós-obras requer medidas drásticas. É tinta nas cerâmicas, pó por todo o lado, a madeira do chão toda suja, silicone, cimento ainda nalguns sítios... a modos que eu ainda comecei a tentar limpar, mas rapidamente percebi que não ia longe. Por isso, desde ontem que anda uma empresa de limpezas cá em casa.  Ontem à tarde, os meus planos eram ficar por casa a trabalhar enquanto eles limpavam. E o cenário foi mais ou menos este: 4 pessoas de um lado para o outro, cheias de panos, esfregões e detergentes a limpar e eu alapada numa cadeira em frente ao portátil sem levantar uma palha. Vá, de vez em quanto ainda levantava o traseiro e ia-me sentar no sofá porque as senhoras da limpeza queriam limpar o chão na zona onde eu estava no portátil e eu lá tive de me ir estender no sofá.  A minha ideia de trabalhar é que foi por água abaixo porque, com o barulho do aspirador e das pessoas …

I´m alive

Pode parecer mas não estou falecida. Apenas casei, fui de lua-de-mel e estou em processo de mudança de casa.  Percebi hoje, quando peguei no meu portátil, que já não o ligava à quase 3 semanas. Se é para desligar do mundo, que seja em pleno; e tem sabido bem desligar, só que amanhã já é dia de trabalho e, por isso, hoje tem de se preparar a semana de trabalho (já estou há 3 horas a responder a e-mails e a tratar de assuntos pendentes de trabalho. E só estou a pegar nas coisas mais urgentes...). Sabe tão bem desligar, mas é tão doloroso voltar à realidade e perceber o trabalho que se acumulou na nossa ausência... Agora estou aqui sentada na mesa da sala de jantar, rodeada de caixas e mais caixas, tralha por todo o lado e a pensar onde é que tenho os tachos e panelas para fazer o almoço e como é que eu vou dar conta de tanto trabalho acumulado! Também já percebi que não sei em que caixa é que terei umas calças para levar amanhã para o trabalho e onde é que está o calçado para enfrentar…

Espelho meu, espelho meu

Casa quase pronta (nem vou comentar à quanto tempo era suposto já estar terminada. Isto de obras já se sabe que é tipo obras de São Bentinho, nunca mais terminam), está na hora de começar a pensar na decoração.  Para já, serão apenas as coisas básicas e essenciais: o somier e a cabeceira da cama, as mesinhas de cabeceira, o sofá, a mesa de jantar e cadeiras e o móvel da televisão já estão prontos (à espera que terminem de pintar o interior da casa para colocar lá as coisas). Agora falta escolher os espelhos para as casas de banho (4). Provavelmente nesta fase inicial só devemos colocar espelhos na casa-de-banho da suite de casal e na casa-de-banho de serviço, as outras duas ficam para depois.
Ficam algumas imagens daquilo que gosto e ando à procura.







Fui inscrever o menino na escolinha

E numa altura em que todas as crianças estão de férias, eu fui inscrever o meu "menino" na escolinha. Fomos fazer a avaliação para saber o que nos espera pela frente e definir o plano de treino. Basicamente serão 20 semanas de muito treino para ele mas sobretudo para mim e depois, será introduzido o futuro "irmão" (Tyrion) para que possam socializar pacificamente e para não nos destruírem a casa nova quando em outubro mudarmos de morada, que é como quem diz, depois do casamento e da lua-de-mel (que ainda não sabemos muito bem para onde será, mas há-de ser para algum sítio).
E quando me perguntam qual tem sido a minha maior preocupação nisto de preparar o casamento e tratar da nova casa, eu respondo "os cães"! Pensar na hipótese de eles não se virem a entender, de não se adaptarem à nova casa, de termos de os deixar nas casas dos respetivos "avós" é coisa que me cria angústia. Esperemos que agora com os treinos eles mudem, nós mudemos e em outub…

A aproveitar as promoções e descontos para a casa - III

Não sou só eu que tenho andado de olho em coisas para a casa. As mães também têm andado com o olho aberto e nisso, tanto a minha mãe como a mãe dele, têm sido generosas com os miminhos que nos vão dando. Desta vez foi a mãe dele que nos presenteou com uma série de têxteis, quer para o quarto quer para o banho (lençóis, capas de edredão, fronhas, toalhas de banho). E tal como comigo, também com ela a ZaraHome é uma espécie de loja com magnetismo que nos impele a entrar e a sair de lá sempre com qualquer coisinha. 




Capa de edredão com fita a contrastar - REF. 6760/088 Fronhas de almofada - REF. 6760/091



Capa de edredão estampado tropical - REF. 6755/088 Fronhas de almofada - REF. 6755/091

Tudo ZaraHome e tudo em saldos.  Há algumas peças que ainda existem online. Os lençóis já não encontro online.

A aproveitar as promoções e descontos para a casa - II

Já vos disse que este ano as prioridades estão um pouco alteradas no que diz respeito a compras, saldos, investimentos e afins. Se até então a minha prioridade nesta altura do ano eram os trapinhos, agora começo a deitar um olho também a coisas para a casa (o outro olho continua a olhar para os trapinhos e para as pechinchas). E sempre que vou ao site ou à loja Zara Home há sempre qualquer coisinha assim para o interessante. Desta vez foi esta toalha de mesa em algodão com efeito serpente e do tamanho que eu queria (já que as medidas da mesa de jantar que estamos a pensar colocar em casa são relativamente grandes).



Zara Home Antes: 49.99€ Agora: 19.99€
Mandei vir também os guardanapos (conjunto de 4 guardanapos) iguais e assim já fico com a mesa de jantar "vestida".


Antes: 19.99€ Agora: 9.99€

A aproveitar as promoções e descontos para a casa

Os saldos estão mesmo ai à porta mas já há algumas lojas de artigos para a casa que já estão com promoções muito jeitosas. E eu tenho batido palminhas de contentamento porque tenho toda uma casa para rechear e uma lista enorme de coisa para comprar.  Para já, e nesta primeira ronda pelas lojas que já estão em saldo, fui só comprando umas pequenas coisinhas, até porque ainda faltam escolher algumas peças-chave que ditarão a decoração do ninho.




Da Zara Home trouxe 6 individuais e três cabides em cetim Individuais: Antes (conjunto de 2) - 9.99€; Agora - 3.99€ Cabides: Antes (conjunto de 3) - 9.99€; Agora - 3.99€


Da loja DeBorla trouxe duas garrafas destas, ideais para água/sumos. Aproveitei que a loja de Braga estava com 30% de desconto acumulável em cartão, devido à sua reabertura no início deste mês, e trouxe então estas garrafas que ficaram cada uma à volta de 3€. Ainda trouxe um conjunto de pratos (prato de sopa, prato grande e prato de sobremesa) mas não os encontro no site da loja p…

Casa nova em andamento (às vezes lento, mas em andamento)

Quando se está a construir uma casa, por mais que se ande "em cima deles", há uma coisa que é certa: mais cedo ou mais tarde, alguma coisa vai dar merda. Pelas experiências que tenho ouvido, não há uma única casa que tenha sido feita de principio ao fim sem qualquer erro ou falha pelo meio. A minha não é excepção.
Inicialmente foi a parede que separa o closet do quarto, que tinha de se deitar a baixo mas o responsável da obra, acatando ordens superiores (nomeadamente um senhor de 83 anos que não está para se chatear nem para ouvir as pretensões dos futuros compradores), ao invés de a deitar abaixo e pôr a parede como pedimos (e como foi aprovado previamente), encheu a parede e ignorou as indicações. Depois de muita conversa lá se deitou a parede a baixo, voltou-se a fazer a parede e pôs-se como tínhamos pedido de inicio. 
Depois foi uma tijoleira que foi assente sem nós a termos escolhido. Uma tijoleira que nada tinha a ver com as cores que tínhamos idealizado para o piso d…

Paredes pretas: sim ou não?

Muito tentada a pôr uma das paredes do quarto e uma parte da parede da sala de estar em preto... Acho tão elegante!






Instagram

Blogs que leio