Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens com a etiqueta insónias

Alguém me ensina como acertar o relógio interno?

Ando há mais de uma semana a acordar todos os dias antes das 6.30h da manhã. Isto até não seria grave se tivesse um propósito, mas não! Simplesmente chego aquela hora e abro a pestana! Não é porque o despertador toque, não é porque tenho nada que me ande a tirar o sono, não é porque haja barulho a essa hora que me faça acordar é simplesmente porque não consigo dormir mais, independentemente da hora a que me deite.
Já experimentei ir para a cama mais tarde e o cenário é o mesmo, com a agravante que depois ando o dia todo a arrastar-me (ainda mais). E isto chega a ser frustrante. Durante a semana uma pessoa quer aproveitar todos os minutos antes de o despertador tocar para estar fresca que nem uma alface todo o dia, a trabalhar de forma concentrada e com rendimento. Ao fim-de-semana queremos dormir como uma preguiça e dar-nos ao luxo de não ter hora marcada para sair da cama, para depois ter energia suficiente para aproveitar o fim-de-semana, fazer programas diferentes, estar com os am…

O meu cérebro não deve estar bom

Eu seria um excelente estudo de caso para as pessoas que se dedicam a estudar o significado dos sonhos. Esta semana tem sido cada um melhor do que o outro. Como não tenho dormido bem, acabo sempre por me lembrar dos sonhos e tudo com muito pormenor. Pois que esta noite sonhei que corri 10 quilómetros assim com uma perna às costas, em 40 minutos, num dia de muito calor. E o mais curioso,  é que no final de correr,  não mostrando eu sinais de muito cansaço ou esforço, o meu namorado (que também apareceu no sonho) me pergunta onde é que eu tinha ganho esta pedalada para as corridas e a minha resposta é hilariante: "não vês que eu na prisão tinha de fugir dos outros presos e por isso andava sempre a correr!" Toma e embrulha. Para além de ter uma pedalada descomunal para a corrida tenho ainda uma história de delinquência digna de causar inveja a muitos criminosos que para ai andam. Devo mesmo ter feito das boas, para os presos quererem todos fazer-me a folha...

Sentido de humor para não adormecer

Atendendo à qualidade (entenda-se: falta dela) e à quantidade do meu sono nestes últimos dias, pagava para conseguir dormir uma noite em condições! Aceitam-se todo o tipo de sugestões inovadoras e que funcionem. Para já a sugestão que vai destacada é a da minha irmã: um taco de baseball de forma certeira na cabeça antes de ir para a cama e "dormia" a noite toda, nem me mexia!

Finalmente

Aquele momento em que o nosso olhar se cruza com as almofadas da nossa cama e sabemos que está para breve o merecido descanso. Nada mais cansativo do que um dia longo que se segue a uma noite mal dormida.  Agora é tempo de desligar e esperar que esta noite seja mais reparadora do que a última. Pena o despertador estar programado para tão cedo.

Irritações matinais

Detesto quando estou à espera de um e-mail importante e ao invés desse e-mail recebo um sem número de e-mails com coisas que não interessam nem ao menino Jesus (lixo, basicamente). Tudo isto é agravado pelo facto de eu não ter dormido quase nada de noite e a minha paciência e tolerância estarem ali a roçar o zero. O dia promete.

Sono. Muito sono

Esta vai ser a minha melhor amiga hoje: a máquina do café. Isto e os quilos de maquilhagem para tapar esta cara de quem teve uma noite muito mal dormida. Mas como li ontem numa banda desenhada para crianças "devemos sempre tentar encontrar uma coisa boa em cada situação má". E eu espero até ao fim do dia, mesmo que o dia tenha começado muito mais cedo do que eu desejaria, encontrar muitas coisas boas.

Sono a quanto obrigas

Já não é de agora as minhas insónias, as minhas noites mal dormidas, os pesadelos, os acordares constantes e o acordar mais cansado do que aquilo que me deitei, ficando com a sensação que não descansei nada. Não tomo nada para dormir porque não quero ficar dependente de nenhum medicamento. Sei que em grande parte os meus problemas de sono estão relacionados com o meu feitio mais ansioso quando tenho alguma coisa que me preocupe (mesmo que seja uma coisa tão mínima que conscientemente nem tenho noção dela).
Estes últimos dias o sono já era mais do que muito. Já eram muitas noites seguidas a dormir mal. Já era uma falta de energia a roçar o limite da razoabilidade. Por isso estava na hora de tomar medidas extremas. Embora não tome medicamentos habitualmente para dormir, tenho um que o meu medico me receitou para estas situações extremas. Meio comprimido antes de dormir disse-me ele em tempos. Mas o meu desespero já era tanto que à duas noites tomei um comprimido inteiro. Em menos de de…

A pesar figos

Dormi tão mal e tão pouco esta noite que, para além dos 5 episódios da série 2 Broke Girls que vi (houvesse mais e mais teria visto) quase que consegui contar todos os carros que passaram na estrada durante a noite. 
Hoje até ir novamente para a cama vou-me cingir o dia todo apenas a respostas curtas e simples porque mesmo que queira elaborar algum raciocínio mais complexo a coisa não se dá e o mais certo é sair asneira. E como hoje é o dia Internacional do Burro (o animal) eu não quero ser comparada a um e aumentar o rol de pessoas que poderiam celebrar hoje o seu dia.

E é isto

Durante a noite acordo por tudo e por nada e depois de manhã é isto. Para não falar das noites em que o olho se mantém sempre aberto e de manhã é que se lembra de fechar como se tivesse sido bafejada por uma onda de sono.
Bom fim-de-semana.

Desabafo de alguém que quer por o sono em dia e não consegue

Sinceramente não consigo perceber porque é que só temos muito sono de manhã quando temos hora certa para nos levantar e ir a algum sítio. Sinceramente não percebo. Ando toda partida, dói-me o corpo e ando com sono acumulado e mesmo assim o meu corpo teima em acordar com as galinhas e não dormir mais. Mas se combinar ver um filme com alguém à noite é certinho que passado vinte minutos de filme já estou com a pestana fechada. Esta incoerência começa  a tirar-me do sério.

A sério que ainda só é segunda-feira?

Não gosto de começar a semana logo cansada, a arrastar-me pelos cantos e a bocejar de cinco em cinco minutos. Mas duas noites mal-dormidas seguidas não deixam muita margem de manobra.

Um carneirinho, dois carneirinhos...

E como é que se tenta dar a volta a uma noite de insónias?  Com uma maratona de séries.
Às vezes é preciso saber improvisar face às adversidades e, como sempre ouvi dizer "se a vida te dá limões, então faz limonada". Por isso, hoje fico com as séries todas em dia!

Malditas

E as noites mal dormidas voltaram! Será pedir muito que de vez em quando eu tenha uma noite de sono em condições? Que durma como um bebé? Que tenha o sono tão profundo que nem a casa a abanar me acordaria? Como eu gostava de poder dormir assim, dormir a sério! Deitar-me e saber que só voltava a abrir os olhos quando o corpo já não precisasse mais de descanso. Deitar-me e saber que aquelas horas seriam só minhas, vazias e sem pensamentos.
Malditas insónias!

Resultado de uma noite mal dormida

O filme escolhida para esta madrugada foi o Identity Thief. Uma comédia cheia de peripécias mas que termina com um final feliz. Um ótimo filme para ocupar uma noite às claras, que não exige grande atenção mas que acaba por ser cativante.




Sinopse:
"Fundos ilimitados permitiram a Diana viver nos subúrbios de Miami, onde a rainha do retalho compra tudo o que deseja. Há apenas uma falha: a identidade que utiliza para financiar a sua diversão diz "Sandy Bigelow Patterson"… e pertence a um contabilista que vive do outro lado dos Estados Unidos. Com apenas uma semana para apanhar a vigarista antes que o seu mundo imploda, o verdadeiro Sandy Bigelow Patterson faz-se à viagem para confrontar a mulher que tem um passe de acesso ilimitado à sua vida. Muitos subornos e disputas numa viagem de milhares de quilómetros até Denver vão-lhe mostrar o quanto é difícil recuperar o seu nome".

Está difícil...muito difícil!

Ainda é dia lá fora e eu já estou com mais sono do que um Coala sob efeito de anti-histamínicos!
Alguém sabe a receita para uma boa noite de sono, sem estar constantemente a acordar e a ter sonhos estapafúrdios que não fazem sentido nem ao menino Jesus? Isto de andar às voltas na cama durante a noite até podia ter a sua piada! Até podia ser algo assim para o escaldante... mas infelizmente estar de papo para o ar, sozinha, no escuro, a olhar para o vazio não é das minhas atividades preferidas!

O antes e o depois

Isto é mais ou menos como eu acordei (com excepção do cabelo que mais parece que andaram lá pássaros a fazer ninho) depois de uma noite mal dormido e com bastantes voltas na cama. E depois dá-se o milagre da maquiagem (bendita sejas) e fica-se com um ar mais ou menos saudável, de quem dorme sempre bem! 
É uma espécie de "A tua cara não me estranha": entra-se para a casa de banho com cara de quem foi atropelada por um camião com 5.5 toneladas de nutella (se esse camião me aparecesse à frente, era mulherzinha para pensar fazer o mesmo...) e sai-se de lá como quem acabou de acordar de um sono de beleza reparador!

Malditas insónias

Ando à uma semana a arrastar-me pelos cantos por causa de muitas noites seguidas mal dormidas! Soluções precisam-se... Urgentemente!!
(Já esteve mais longe de por em prática a ideia da minha irmã: uma cacetada bem dada na cabeça com um taco de baseball e apagava por uns bons tempos!)

Instagram

Blogs que leio