Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2015

Doente em versão balofa

Ou esta gripe acaba rápido ou eu corro o sério risco de virar uma baleia. É que a gripe dá-me uma fome que só visto! Só me apetece comer, só penso em comida e só estou bem a comer.  Não dizem que quando se fica doente se perde o apetite? Aposto que isso não se aplica à gripe. Uma pessoa deita-se no sofá com uma manta por cima, a ouvir a chuva e começa a pensar: umas bolachinhas de canela com um chá iam mesmo bem agora (mesmo que tenha acabado de almoçar à uma hora atrás), ou então um pão com queijo e fiambre, um chocolate, um iogurte com aveia e tudo o mais que se possa comer rapidamente. Ainda bem que eu fui abençoada com uma boa genética e tenho um bom metabolismo (já foi melhor, como é óbvio, que isto quando a idade avança vira-se tudo contra nós. Mas não me posso queixar!).

Sugestões gastronómicas

Com os dias de chuva e frio que tem estado, aquilo que apetece fazer é comer. Comer bem, E para quem, como eu, é apreciador de uma boa posta à mirandesa, o restaurante "O Miranda" é uma excelente opção. Sempre casa cheia, um atendimento muito simpático e uma posta deliciosa. As sobremesas também são muito boas e tem uma boa carta de vinhos. Só tem um senão: não tem multibanco (e embora tenha um ATM muito perto, correm o risco de não ter dinheiro como me aconteceu a mim a última vez que lá fui).

Para quem quiser experimentar, fica na Rua 13 de Maio em Vimieiro (Braga).

Sugestões precisam-se

Já há muito que deixei de beber leite ao pequeno almoço. Substitui-o por um iogurte com flocos de aveia, uma banana e um café (e em dias em que sei que não vou poder lanchar acrescento um pão integral com queijo-creme) e sinceramente, foi fácil perder o hábito de anos e anos a beber um copo de leite acompanhado de um pão com manteiga. O leite que até então era um bem essencial para mim, passou a ser um acessório, até porque me incha bastante a barriga e me causa desconforto (nunca fiz o teste da intolerância, mas pelos sintomas a nutricionista diz que devo ser intolerante à lactose). O problema prende-se quando quer comer cereais: misturo-os com o quê? Não vou misturar chocapic com iogurte. Ficava-me a faltar uma solução e quando me dava vontade de comer cereais ao lanche (o que não acontece assim tantas vezes) lá tinha de recorrer ao leite. Este fim-de-semana, e depois de ter ido à nutricionista a semana passada, lá me aventurei a comprar leite de soja. Um pouco desconfiada e a torc…

Toca a todos

E agora tocou-me a mim. Maldita gripe que atacou logo com tudo, com uma valente dor de garganta que me fazia maldizer qualquer coisita que engolia. Passada a dor de garganta, agora estou na fase em que os lenços de papel passaram a ser uma extensão de mim e sete camadas de roupa sobrepostas é neste momento a imagem mais confortante que consigo ter.
Eu já estava a estranhar ainda não ter sido atacada: cá em casa só faltava eu. Na casa dele também já foi quase tudo atacado pelo maldito vírus da gripe, no curso que estou a fazer à noite também há lá uma pessoa engripada e as crianças a quem dou consulta em Barcelos já estiveram quase todas com gripe. Visto assim começo a pensar que fui uma resistente este tempo todo!

Objeto de desejo da semana

Todos Michael Kors. E eu fiquei a babar por todos.

A pensar nos Óscares IV

De todos os que já vi até agora e que estão nomeados para alguma categoria dos Óscares, este foi aquele que menos me convenceu. Talvez porque a concorrência é forte, este não se destaque tanto. Tem partes do filme, a meu ver, que deveriam ter sido mais exploradas. Já que é uma biografia, poderiam aproveitar para mostrar um pouco mais o outro lado da moeda e mostrar o que é a vida dos militares do outro lado da guerra, depois da guerra. Não está entre os meus favoritos.

My week in pictures #56

1- A experimentar o corretor The One (Oriflame); 2- Brincos Parfois; 3/4- Aquilo que me desgraça nos jantares  as entradas; 5- O vício da atualidade: chá; 6- Até aos Óscares é tempo de muitas sessões de cinema; 7/8- A minha tentativa de ser saudável de vez em quando; 9- Outra coisa que me desgraça nos jantares - as sobremesas; 10- A perder a paciência nas filas de atendimento da NOS; 11/12- Aquisições em tempos de saldos (Botas Stradivarius e Mocassins  Pull&Bear).

New in

A aproveitar os saldos já a pensar nos dias amenos de Primavera.

De volta com os achados no ebay

Com um casamento em mente para Maio, e em conversa ontem com outra amiga que tem um casamento em Abril começa-se a pensar nos pormenores. E o ebay é um bom sítio para tirar ideias para alguns acessórios (embora acessórios eu já tenha, só me falte mesmo a indumentária). Mas tudo serve de motivo para me perder no ebay a ver as pechinchas.


Em tons de azul:



Em tons vermelho:


Em tons lilás/rocho:




Em tons neutro:


A pensar nos Óscares III

Como eu adorei este filme! Talvez porque tenha alguém próximo a estudar numa grande escola de música em terras de Sua Majestade e porque vou começando a perceber a pressão constante que os estudantes de música estão sujeitos, este filme fascinou-me. E estou a torcer para que o J. K Simmons ganhe o Óscar de melhor ator secundário. Que papelão. Irrita tanto que às tantas apetece entrar pelo ecrã e dar-lhe um soco naquela cara irritante e convencida. Um excelente filme e uma lição de vida em simultâneo.

Coisas que eu nunca hei-de compreender

Estava eu a almoçar tranquilamente e a ver as notícias quando às tantas começa a falar sobre o concerto da Violetta que aconteceu em Lisboa. O novo ídolo das crianças que as leva à loucura e ao desespero dos pais quando chega o Natal, aniversários e outras festividades em que haja prendas implícitas. Até aqui tudo bem. Em todas as alturas há um fenómeno deste género (não vamos agora também ser fundamentalista e dizer que as crianças de hoje em dia estão perdidas e que no nosso tempo é que era). O que eu não compreendo é que os pais destas crianças paguem autênticas fortunas para levar as coitadinhas das criancinhas ao concerto e que se não forem vão ficar traumatizadas para toda a vida. Coitadas. Que quem mora relativamente perto de Lisboa tenha ido, que quem tem possibilidades económicas vá, que tenham comprado bilhetes a preços (relativamente) acessíveis compreendo perfeitamente, agora exemplos como os que deram nas notícias é que eu não compreendo. Uma família modesta que veio de …

Bom fim-de-semana

Lema para o fim-de-semana. E para o resto da semana, se conseguirem :)

Experimentei e gostei (muito)

Para quem como eu anda obcecada com chás, experimentar novos sabores torna-se um vício. Sei que este já existe há algum tempo mas ainda não lhe tinha posto a boca em cima. E depois de experimentar só vos digo: é delicioso! Tem um cheirinho fantástico que faz lembrar sobremesas. E para alguém gulosa como eu isso é motivo mais do que válido para gostar.

A pensar nos Óscares II

E continuo na minha corrida com os filmes nomeados para os Óscares. Desta vez o escolhido foi "A Teoria de Tudo". Um filme baseado numa história real e que retrata o percurso do Professor Doutor Stephen Hawking. 
A minha opinião pessoal? Está fantástico! Adorei o filme. Não cai no cliché de dar uma imagem de coitadinho do Stephen, não anda ali a empatar em nenhuma parte da história e é uma autêntica lição de vida. E que papelão do Eddie Redmayne. Seria muito bem entregue o Óscar de melhor ator ao Eddie Redmayne (pelo menos dos filmes que já vi). 

De volta à (minha) normalidade

Pronto, está de volta a velha fanática por roupa interior. Não consegui mais passear-me pelas lojas de roupa interior, ver aqueles preços tentadores (lojas do demónio) e sair de lá, mais uma vez, de mãos a abanar. Mesmo sem precisar lá comprei uma pecita. Mais umas cuecas para juntar à restante coleção. Bonitas e baratinhas. Lá deu para matar o vício sem desgraçar as economias. À que aproveitar os saldos para renovar (ou neste caso, aumentar) o stock de roupa interior (mesmo não estando a precisar como disse aqui, isso também não interessa nada. Afinal de contas, cuecas usam-se todos os dias e é sempre um bom investimento).

Estava mesmo à espera que chegasse ao destino

Quando uma pessoa sai do trabalho, faz uma viagem de mais de 45 minutos na companhia do rádio, passam as músicas da atualidade mas nenhuma música que uma pessoa adore, que fique paralisada e em surdina a apreciar a musica ou então desate a canta-la a plenos pulmões até que chega finalmente a casa, pára o carro e quando está prestes a desligar o carro e sair começa a tocar aquela música que adoramos, uma daquelas que temos mesmo que ouvir. E lá ficamos mais de três minutos paradas dentro do carro, em frente a casa à espera que a música termine.

Uma espécie de desorganização temporal

Não sei viver sem relógio. Este fim-de-semana calhou sair de casa sem relógio. E mesmo não precisando de controlar as horas nem tendo hora marcada para nada sentia a falta do relógio. Parece que não sabemos a quantas andamos. Se o tivesse talvez passasse a saída toda sem olhar para ele. Mas sem ele senti falta. Não é um acessório meramente decorativo. É algo imprescindível. Pelo menos para mim (e nem os telemóveis o substituem).

Os fura casamentos

Vou ter um casamento em Maio, se quiserem aparecer acho que os noivos não se importam.  E eu também não!
Espectacular!!

O mais recente vício

Desde que me propus a beber mais água (ou chá) e instalei uma aplicação no Iphone (aqui e aqui) para monitorizar a quantidade de liquido ingerida por dia que já não consigo passar um dia sem beber chá. Sem dúvida que o chá tem sido o meu grande aliado nestas últimas semanas. E sabe tão melhor uma chávena (ou neste caso, muitas chávenas) de chá quente do que um copo de água fria! 

My week in pictures #55

A última vez que mostrei aqui imagens da minha semana já vai há mais de um mês. Acho que se alterar o nome e ao invés de ter "week" ter "month" será mais acertado! Mas com as festividades pelo meio (e sem o meu portátil) torna-se difícil atualizar as coisas com a regularidade que seria de esperar. Mas não é por isso que não vai ainda um cheirinho a Natal.











1/2/3/4/5/6 - Ainda um cheirinho a Natal; 7/8 - Pós Natal: enfardar chocolates e enfardar gelado com a irmã como se não houvesse amanhã; 9/10- Os meus novos companheiros nas minhas rotinas diárias (#youzzcuidadoessencial #youzz); 11/12- Novas aquisições (Bimba&Lola); 13- A maquilhagem será sempre uma perdição; 14- O livro que comecei a ler (e o próximo também já está escolhido); 15/16/17- Ano novo mas hábitos antigos e por isso as jantaradas continuam (e o sushi é cada vez mais um vício); 18- A tratar de assuntos pendentes do ano anterior; 19/20/21- Looks mais descontraídos em tempo de férias (Capa loja local;…

Instagram

Blogs que leio