Avançar para o conteúdo principal

2 semanas de Benny

E faz hoje duas semanas que cá em casa passou a haver mais um inquilino, um novo morador de quatro patas que veio trazer mais animação aos nossos dias. Veio para cá ainda muito pequenino, pouco mais de um mês de vida e conquistou-me logo.

Foi uma prenda de aniversário antecipada do meu tio mais novo, que sabe a minha adoração por cães e que, apesar de saber que a minha mãe (irmã dele) não queria mais nenhum cão em casa e que não gosta de cães, presenteou-me com este pedaço de doçura andante. Com a condição de ele ficar com ele caso cá em casa não pudesse ficar, um dia após o outro foi ficando, e ficando... até que ficou de vez. Já posso dizer que é o meu cão, o meu Benny. E até o nome foi difícil escolher, porque tinha de ser um nome que os quatro cá em casa gostassem (pronto, eu cedi às minhas opções iniciais, mas para ter este menino cá em casa até Bruno de Carvalho eu lhe chamava se fosse preciso).

A uma semana de fazer 2 meses de idade e depois de duas semanas cá em casa o Benny passa a maior parte do dia a dormir, adora correr atrás do meu outro cão (que não lhe liga nenhuma), gosta de deitar o dente sempre que apanha alguém, já se senta quando lhe digo "senta", já sabe que o estou a repreender quando lhe digo "não" com um tom mais grave, adora dormir na minha cama e no sofá da sala, adormece em qualquer posição e com uma facilidade impressionante, adora comer, sonha muito enquanto dorme e faz uns barulhos e movimentos estranhos durante os sonhos, adora dentastick, está a aprender a dar a pata e a dar beijinhos, trepa redes como se fosse um gato, já sobe todas as escadas cá de casa sem precisar de ajuda e adora que brinquem com ele. Para já ainda não fez nenhuma asneira de relevo - não fez buracos no jardim, não roeu nada, não estragou nada, só um xixi ou outro nas carpetes e um cocó ou outro na sala ou no meu quarto (que é onde ele mais gosta de estar). Sei que ainda me esperam muitas asneiras, muitas chatices  e consumições mas para já estou enamorada pela minha cria.













Comentários

  1. Ai meu Deus que coisinha tão fofa! Dá vontade de estar sempre a mexer nele tipo peluche aposto!
    Vê-lo assim lembra-me das minhas 4 pestes quando eram pequenos! Que saudades!!!
    https://jusajublog.blogspot.pt/?m=1

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exacto! Não consigo estar perto dele sem lhe mexer :)

      Eliminar
  2. é tao lindo.... e conseguiste dar a volta a tua mae lol

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A vida secreta dos nossos bichos

Quem disse que os filmes de animação são só para crianças? Eu gosto bastante de me perder num bom filme de animação. E este prometia muito. Tinha visto o trailer ainda antes de chegar aos cinemas e disse logo "quero muuuito ver este filme" e finalmente vi-o. O filme prometia muito, ainda por cima sendo dos mesmos produtores de "Gru - o Maldisposto", mas sinceramente fiquei um bocado desiludida. A história foi muito básica e o trailer foi muito bem feito porque reúne, a meu ver, as melhores cenas do filme. Uma pessoa vê o trailer, cria grandes expectativas e depois no final fica assim um bocado para o desiludida, à espera de mais...
Ver o trailer aqui.

Zara, what else?

Adoro estas peças que primam pela diferença. Um blazer que é uma capa, ou uma capa que se parece com um blazer? Adoro. E adoro ambas as cores. 


Link aqui e aqui.

DIY - Flared Jeans

Quem tem prestado atenção quando vai às lojas, certamente já reparou que o que não faltam são calças "esfarrapadas" em baixo, como se tivessem ficado à mercê de cães raivosos. Há algumas que acho medonhas mas outras até acho alguma graça. Mas como sei que esta tendência não é "usável" para sempre nem em todos os contextos não me estava convencida a investir nuns jeans assim. 
Então, peguei nuns jeans básicos que tinha cá por casa encostados a um canto porque eram "muito básicos" e decidi transformá-los (eu, que nunca tive jeito nem paciência nenhuma para este tipo de coisa!). Só o fiz porque o processo é mesmo muito simples e fácil e o resultado é engraçado.


1º - Cortar as calças pelo tamanho pretendido. 2º - Medir e riscar o tamanho das franjas (para ficarem todas alinhadas). Eu marquei 3 cms à volta de toda  a calça, e de seguida colei fita-cola para facilitar na hora de cortar.

3º - Depois de cortadas as franjas de ambas as pernas retirar a fita-cola.


Instagram

Blogs que leio